Pagamento da diferença do adicional de insalubridade dos ACS e ACE vai atrasar por culpa do governo municipal

 

Mesmo após a condenação pela 6ª Câmara do Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região, por unanimidade, ao pagamento de multa por litigância de má-fé, a prefeitura de Itajaí interpõe novo recurso ao processo de insalubridade dos ACS/ACE, em nova tentativa forçada de não cumprir a decisão, que determina o pagamento da diferença retroativa do adicional de insalubridade aos servidores.

Vale lembrar que já havia uma decisão favorável aos servidores. No entanto, o município insiste em não cumpri-la através da insistência por recursos de todo o tipo para protelar o cumprimento da sentença. O governo municipal não mede esforços quando se trata de desrespeitar os direitos, garantidos por lei, dos seus servidores.

Posted in News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *