Negociações com a gestão municipal de Itajaí avançam. Confira

As negociações entre os servidores e a gestão municipal de Itajaí, iniciadas no dia 26/07, avançaram. A pauta, que contém mais de 30 reivindicações, teve os itens de 1 a 8 debatidos nesta primeira reunião.
Seguem abaixo as respectivas respostas até o momento para cada um dos itens.

Reivindicações 1 (Equiparação do valor do Cartão Alimentação, com demais autarquias e Poder Legislativo, tendo como parâmetro, o valor concedido aos servidores do IPI) e 15 (Fazer o pagamento do vale-alimentação para os servidores do CODETRAN em valor equivalente às 36h trabalhadas, e não somente ao equivalente a 30h trabalhadas, como hoje é pago): será elaborado pela administração um estudo dos valores pagos por hora do vale alimentação, tendo em vista que existem diversos valores atualmente. Prazo até 24/07.

Reivindicação 2 (Liberação do dirigente sindical): o executivo apresentará uma resposta até o dia 24/07.

Reivindicação 3 (Que o 1/3 de férias seja pago aos servidores antes do gozo da mesma, alterando o estatuto dos servidores, fixando a data e prevendo penalidade caso não ocorra o pagamento): Administração apresentará uma planilha dos gastos e do impacto financeiro para ver se é possível esta mudança.

Reivindicação 4 (Equiparação salarial dos Agentes Endemias com os Agentes Comunitários de Saúde): Administração fará a análise do impacto financeiro e apresentará na reunião do dia 07/08.

Reivindicação 5 (Pagamento do adicional de Insalubridade automático para os servidores da Secretaria de Saúde e do CODETRAN, que tiverem direito ao seu recebimento): Será feito um estudo mais detalhado do assunto, a ser debatido posteriormente entre a administração e Sindifoz.

Reivindicação 7 (Pagamento do adicional de Periculosidade para os servidores que tiverem direito ao seu recebimento): o governo se compromete a fazer um estudo referente ao assunto, a ser apresentado na reunião do dia 10/07.

Reivindicação 8 (Criação da Comissão Interna de Saúde do servidor, nos moldes da CIPA): O governo entende que uma comissão de pré-aposentadoria é muito mais importante que a CIPA, porque é algo que vai auxiliar o servidor que está para se aposentar. A gestão municipal irá apresentar uma contraproposta que será levada aos servidores para apreciação em assembleia.

Sobre a questão dos servidores celetistas da ESF, decidiu-se debater a questão em uma comissão específica, em parceria com o IPI, devido à complexidade do assunto.

Confira a pauta de reivindicações completa aqui.

Posted in News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *