Servidores da Educação de Itajaí entram em estado de greve

Os servidores públicos de Itajaí da área da Educação participaram na noite desta terça-feira de uma Assembleia Geral da categoria promovida no formato virtual pelo Sindifoz, no qual foi debatido o retorno presencial às aulas no município, que ocorreu nessa semana.

Diante dos inúmeros relatos de diferentes unidades em que os Plano de Contingência (Plancon) elaborado pela própria Secretaria de Educação não está sendo seguido, aumentando ainda mais o risco de contaminação por covid-19 de toda a comunidade escolar, os trabalhadores votaram pelo estado de greve, como um alerta ao governo municipal de que nessas condições podem em breve realizar uma paralisação, mantendo somente o ensino remoto.

Além disso, também foi colocado em votação a necessidade de vacinação dos servidores da Educação para que as aulas presenciais aconteçam de forma segura para a categoria. Do total, 90,9% dos servidores participantes votaram a favor de voltar às aulas presenciais somente após a vacinação de todos.

Os trabalhadores também apontam que o município ainda não definiu como funcionará a carga horária das aulas remotas, tendo em vista que os servidores também terão que trabalhar de forma presencial nas unidades escolares.

Foram citados exemplos de outros municípios do estado, como Navegantes, em que as prefeituras recuaram e decidiram adiar o retorno às aulas presenciais, mantendo apenas o ensino remoto por enquanto, por conta da falta de estrutura nas unidades e de profissionais suficientes para atender a demanda estipulada pelo próprio Plancon.

O Ministério Público do Trabalho também será acionado pelo Sindifoz com relação às irregularidades que estão sendo registradas nas unidades escolares, já que se trata de um caso da segurança de trabalho dos servidores. Quaisquer denúncias de situações em que o Plancon não esteja sendo cumprido podem ser feitas pelo WhatsApp do Sindifoz: (47) 98447-9820.

Posted in News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *